ESCRITORA LUCIENE FREITAS ABORDA DIVERSOS GÊNEROS LITERÁRIOS

0 Comments

 


A escritora Luciene Freitas recria a realidade entre a poesia e a prosa, de acordo com suas convicções, ideais ou vivências. Em seu processo de criação, aborda o conto, a crônica, as parábolas, o romance, os aforismos ou a pesquisa. Com 18 livros publicados, trabalhos espalhados em jornais e revistas do Brasil, Portugal, Argentina e Itália, está, também, presente num bom número de antologias, livros, revistas, jornais, blogs, sites.

Luciene faz parte de um expressivo número de associações literárias. É formada em Letras e pós-graduada em Língua Portuguesa, além de Presidente fundadora da ALB em Pernambuco.

“Cada criatura que vem ao mundo está destinada a alguma aptidão. Isso não significa que vai se encaixar de imediato na sua. Em muitos casos a vida oferece as ferramentas, em outros o indivíduo tem que procurá-las, num jogo de desafios constantes. Vencendo os obstáculos terá que resgatá-las entre as dificuldades e o medo de perdê-las. A perseverança será indicador de sua trilha”, anotou a escritora.

Ela conta que foi estudante com “o desejo intenso de aprender, professora entusiasta mesmo não tendo meios para desempenhar melhor papel. Esposa e dona de casa sempre primando pelo bem estar da família. Ser mãe foi sem dúvida uma prova, incrivelmente desafiante e a mais interessante de todas”.

E acrescentou: “As etapas se sucedem num vendaval cotidiano e “repentinamente” se chega a maturidade e se percebe que o ninho está vazio. Se não se tem alternativas fica difícil enfrentar a nova etapa.

A Literatura preencheu os meus vazios desde criança. Viajei em tapetes mágicos por mundos encantados. Sonhei com sonhadores de outras pátrias. Amei o colorido das paisagens de outros continentes. Imaginei um mundo meu e por algum tempo o visitei com frequência.

A correspondência com jovens e adultos, onde foi possível a comunicação, me abriu outras pontas.Os sonhos se ampliavam. Colecionei selos e cartões postais. Escrevi textos revelando os meus pensamentos, mas escondi por muito tempo, ainda não estava segura. Muitos desistem por falta das ferramentas, eu não desisti. Faltava algo na minha vida e eu precisava encontrar – o encaixe comigo mesma.

Entre a poesia e a prosa recriei a realidade segundo minhas convicções, ideais e vivência.  Escrevo contos, crônicas, nas parábolas me divirto, nos romances e aforismos fotografo com fidelidade minha alma. A pesquisa me leva por caminhos desconhecidos buscando a expressão de seres quase apagados,encontrar neles algo escondido que tenha permanecido intacto. Preciso acender a luz nessas trevas e trazer à tona coisas perdidas nos caminhos do tempo.

Premiações em Literatura

Mil Flores–

Encenado no Teatro do Sesc, em outubro e novembro de 2004. A tristeza com a alegria integradas às estações do ano, leva o diretor Rodrigo Dourado dividir o palco.

Uma Guerreira no Tempo- Menção Honrosa, Prêmio Antônio de Brito Alves, da Academia Pernambucana de Letras, em 2005. Transcrito para o Braille pelo Setor Braille da Biblioteca Pública do Estado de Pernambuco em 2012.

Cântico ao Sol – poema.

Prêmio Josepha Máximo. Segundo lugar. União Brasileira de Escritores. 12-08-2006.

Brincando Só- Editado em Braille, em 2008, pelo Setor Braille da Biblioteca Pública do Estado de Pernambuco.

Profundidade Azul- Prêmio, Vânia Souto Carvalho, de Ficção, pela Academia Pernambucana de Letras, em 2009.

O Espelho do Tempo- Prêmio Dulce Chacon, Escritora Nordestina. Academia Pernambucana de Letras. 2010.

Premio Poesia Prosa e ArtiFigurative 2011. Segundo lugar. Livro estrangeiro, publicado. Sicília/Itália.

Láurea Francisletras – Goiânia / Goiás. Abril de 2011.      

Soneto do Desejo - Prêmio Literário Mar de Letras. Terceiro lugar. Sapere Editora / Rio de Janeiro / 2011.

Liberdade Amordaçada

Prêmio Dulce Chacon, Escritora Nordestina. Academia Pernambucana de Letras. 2012.

Premio Poesia Prosa e ArtiFigurative 2013. Segundo lugar. Livro estrangeiro, publicado.  Sicília/Itália.

II Prêmio Talentos Helvéticos – Brasileiros. 2017.

Pulsação e Outros Poemas - Terceiro lugar no “Premio Antonio Filoteo Omodei, 2016. Libro Edito de Poesia. Accademia Il Convivio. Sicilia. Italia”.

Meninos de Vidro - “Premio Poesia, Prosa e ArtiFigurative”. Libro Edito. Accademia Il Convivio. Sicilia / Itália. 2020.

Laureas

Doutora Honoris Causa em filosofia Univérsica – Ph.I. ‘Filósofa Imortal’ por força de sua expressão literária, pela Academia de Letras do Brasil. Brasil, Brasília / DF. 11-10-2012.

Diploma e Troféu de ‘Mulher Valorosa do Brasil’ pela Academia de Letras e Artes do Nordeste, Núcleo de Alagoas. Maceió, 28-01-2008.

Láurea Lítero – Cultural Honoris Causa Literata Neusa Judith “Ninho das Letras” – Rio de Janeiro / RJ. 18-10-2005.

Láurea Francisletras, para o livro Profundidade Azul. Goiânia / Goiás. Abril de 2011.

Prêmio “LITTERATUDO – Monteiro Lobato” pela sua salutar dedicação a Literatura e a Cultura Geral. Taubaté – SP / Brasil, 31 de agosto de 2015.

Mérito Literário da Academia Internacional da União Cultural - Como reconhecimento à sua produção literária, especificamente pelo livro “Mergulho Profundo – Pensamentos” publicado em 2004. Taubaté/SP. !5-07-2020.

A Câmara Municipal do Brejo da Madre de Deus por força da Resolução numero 10/96, aprovada por unanimidade dos vereadores que integram este Poder Legislativo, concede o título honorífico de Cidadã do Brejo da Madre de Deus a Ilma. Sra. Maria Luciene de Freitas, face aos relevantes serviços socioculturais prestados pela mesma à esta comunidade. Autora do projeto, vereadora Maria José Arruda Siqueira. Casa José Cupertino de Souza, 18 de outubro de 1997.

O Poder Legislativo da Vitória de Santo Antão de acordo com a Lei Municipal de 19 de março de 2011, sobre a proposta do Vereador André Saulo dos Santos Alves, outorga a Maria Luciene de Freitas e Silva o título honorífico de Cidadã Vitoriense, pelos relevantes serviços prestados a este município. Novembro de 2017.

O Instituto Histórico e Geográfico da Vitória de Santo Antão tem a honra de outorgar a Maria Luciene de Freitas e Silva a comenda Instituto Histórico e Geográfico da Vitória de Santo Antão conforme decisão da Assembleia Geral que levou em consideração seus relevantes serviços à cultura e a História de nossa cidade. Vitória de Santo Antão,03 de agosto de 2017.

Publicações

Explosão, poesias relacionados com a natureza e a vida. Scortecci Editora/SP. 1995.

A Dança da Vida, parábolas e contos. A ficção revelada em histórias que trazem verdades profundas. Scortecci Editora/SP. 1996 e 1997.

Mil Flores, poesias que registram as faces e fazes do amor. Scortecci Editora/SP. 1999.

O Sorriso e o Olhar, parábolas, contos e crônicas. Histórias que deixam vasto campo para meditação e outras deixam transparecer a veia cômica. CEPE, 2001.

Meu Caminho, coletânea de mensagens para diversas situações. CEPE, 2002.

Uma Guerreira no Tempo, pesquisa. O resgate de uma época – 1903-1950. Onde a vida e a obra da escritora Martha de Hollanda, primeira eleitora pernambucana, retornam as manchetes. O leitor encontrará, na íntegra, o único livro de Martha, Delírio do Nada, atualizado e transcrito, além de poemas, depoimentos e cartas de pessoas igualmente ilustres da época. Gráfica Dom Bosco, 2003.

Viagem dos Saltimbancos Escritores Pelos Recantos do Nordeste, cordel. Descreve, em brincadeira, a viagem feita a Paulo Afonso e Xingó com os membros da Academia de Letras e Artes do Nordeste Brasileiro. 2003.

Mergulho Profundo, 264 pensamentos, filosóficos, de momentos vários. Gráfica Dom Bosco, Recife/PE. 2004.

Brincando Só – poemas – Vol. I. Série No Rítmo da Rima. Uma viagem por um mundo colorido por crianças, onde a poesia faz a história. Gráfica Dom Bosco/Recife/PE. 2005.

Brincando de Faz de Conta – poemas – Vol. II. Série No Rítmo da Rima. Com nove poesias faz a linha do primeiro. Gráfica Dom Bosco/Recife/PE. 2007.

O Espelho do Tempo – romance de cunho psicológico. 60 páginas de pura emoção. Facform, Recife/PE. 2006.

Sob a Ótica das Meninas, 42 contos de um tempo determinado. A astúcia, a inocência e a determinação se misturam levando o leitor de volta a uma infância antiga, confundindo os sentimentos. CEPE, Recife/PE. 2007.

Que não me roubem os Sonhos, uma viagem, em versos, pelas partículas dos sonhos. Terceiro livro de poemas, Facform, 2008.

Profundidade Azul, 64 histórias extraordinárias, contos curtos de pura ficção. FacForm, 2010.

Brincando com Flores – poesias – Vol. III. Série No Rítmo da Rima. FacForm, 2011.

Liberdade Amordaçada – A história de uma geração, imprensada, que transgrediu em busca da liberdade. (romance – FacForm). 2012.

Brincando com Água – Vol. IV da Série No Rítmo da Rima. Sete poemas ilustrados por crianças. FacForm. 2013.

Pulsação e outros poemas – Em cada verso o pulsar de um coração, descompassado, num momento de razão, insanidade ou leveza. 2015.

Meninos de Vidro –- Materializados pelo sopro do Deus da Criação herdam a missão de repassar a semente da harmonia, cuidar do seu florescer e dar continuidade à proposta Divina. Seriam eles capazes? (Ficção). 2017.

Além de um expressivo número de antologias, trabalhos publicados em livros, revistas, jornais, blogs e sites do Brasil, Portugal, Argentina e Itália. Integra algumas participações especiais.

- Endereçário Cultural, da Sociedade de Cultura Latina de Santa Catarina e Revista Lítero-Cultural A Figueira. (Org. Abel Beatriz Pereira). Florianópolis/SC. 1999.

- Enciclopédia Literária Escritores do Ano 2000. (Jair Pedroso da Silveira). Editora Koinonia Sul. Casca/RS.

- Anuário de Escritores 2001. São Paulo/SP.

-Crítica Literária, (Humberto Del Maestro). Vitória/ES. 2001.

- Floradas Outonais. Resenha Crítica. (Francisco de Assis Nascimento). Goiânia/GO. 2003.

- Galeria Brasil 2010 – Edição Especial - Guia de Escritores Contemporâneos. (Grupo Editorial Celeiro de Escritores). São Paulo/SP.

- Dicionário de Mulheres, II edição. (Org. por Hilda Agnes Hübner Flores). Florianópolis/SC. 2011.

- Mulheres que Mudaram a História de Pernambuco – XV Edição. (Org. Silene Floro e Ramos Filho). 2015.               

- Perfis de Vencedores. Quarta edição. Org. Maluma Marques, Editora Nova Presença. Olinda/PE. 2017.

- Destaque Nordeste. Org. Patrick Barbosa e Helena Almeida. Editora Nova Presença. Olinda/PE. 2019.

É formada em Letras e Pós Graduada em Língua Portuguesa. FAINTVISA, Vitória/PE.

Concluiu o ElementaryEnglish e IntermediateEnglish no SENAC. Recife/PE. Além de outros cursos complementares. 

The Short -Term Program in Intensive English Language Instruction.InternationalLanguageInstituteofUniversityof South Florida. USA.

Segunda Vice-presidente do Instituto Histórico e Geográfico da Vitória de Santo Antão/PE.

Academia de Letras e Artes do Nordeste Brasileiro/ALANE.

Academia Vitoriense de Letras Artes e Ciência– Vitória/PE.

Presidente fundadora da Academia de Letras do Brasil - PE.

Membro, correspondente da Academia de Letras de Fortaleza /ALAF. Ceará.

Academia Momento Lítero Cultural - Porto Velho/RO.

Accademia Internazionale Il Convivio. Sicilia / Italia.

International Writers and Artists Association, IWA. Toledo. Ohio/USA.

Academia de Poetas, Escritores e Contistas – ACAPEC/SP.

Senadora-Conselheira Cultural Estadual/PE – Brasil – 2014, pelo Movimento União Cultural de Taubaté – SP.

Acadêmica Efetiva da Academia Internacional da União Cultural. Taubaté – SP. Brasil. 16 de fevereiro de 2020.

Integra o quadro da União Brasileira de Escritores – UBE/PE.

Caruaruense, pernambucana, brasileira, teve no Brejo da Madre de Deus a sua infância. Reside entre Vitória de Santo Antão e o Recife.



You may also like

Nenhum comentário: